Cinco navios naufragados históricos estão localizados na área do projeto de Remediação da Parte Baixa do Rio Fox em Wisconsin. A Tetra Tech ajudou a garantir que os destroços fossem preservados para fins de educação e as atividades de remediação pudessem continuar.

Os navios foram colocados no leito do Rio Fox desde o início do século XX, quando colocar navios a pique, ou seja, afundá-los de propósito, era comum. Os destroços estavam sob as águas no lado oeste do rio, quase que no centro entre a barragem de De Pere e a Baía de Green Bay.

“As embarcações precisaram ser removidas para que pudéssemos dragar e recapear o leito do rio”, disse, Bill Coleman, gerente de projetos da Tetra Tech. O projeto Remediação da Parte Baixa do Rio Fox, destinado à remoção de bifenilas policloradas (PCBs) é o maior de sua classe na história dos EUA. A Tetra Tech vem comandando as ações de remediação desde 2009.

Uma vez que a exigência frequente de limpar os navios para preservação histórica não era viável, foram tiradas muitas fotos para fins educacionais e para exposição ao público. Nossa equipe trabalhou com um arqueólogo para documentar a remoção dos destroços. Descobertas assim revelam que alguns dos navios foram construídos de modo diferente do esperado, incluindo uma barcaça que tinha um esqueleto de aço em vez de um de madeira – uma nova descoberta sobre a construção de navios no século XIX naquela área.

“Navios naufragados são literalmente cápsulas do tempo”, informou Kevin Cullen, curador do Museu Público de Neville, em Green Bay, onde será realizada a exposição de fotografias no final do ano. “São meios para que possamos entender o que ocorria entre determinados destinos, as pessoas que transportavam mercadorias naqueles navios, as suas histórias e como suas vidas foram impactadas na comunidade.”

“A facilitação da remoção destes destroços demonstra que a Tetra Tech sabe como trabalhar em conjunto com agências reguladoras e mitigar o impacto de nossos trabalhos em recursos sensíveis como estes navios naufragados”, disse George Willant, gerente de projetos adjunto da Tetra Tech.

O legado dos navios continuará através da exibição pública mediante um acordo envolvendo o Departamento de Recursos Naturais de Wisconsin, o Gabinete Estadual de Preservação Histórica, o Museu Público de Neville, a Agência de Proteção Ambiental dos EUA e a empresa Lower Fox River Remediation LLC.