Em 1914 o Canal do Panamá foi aberto, Henry Ford anunciou a jornada de trabalho de oito horas, o Corinthians conquistou seu primeiro título – e dois jovens professores da Universidade de Michigan, William Hoad e Arthur Decker, fundaram uma empresa de consultoria em engenharia em Ann Arbor, estado de Michigan, para vender sua experiência em tratamento de água. Esta nova firma por fim se uniria à Tetra Tech e em 2014 alcança o marco de ter fornecido 100 anos de serviços contínuos em gestão de recursos hídricos.

Doenças causadas pela água, como disenteria, febre tifoide e cólera tinham sido graves ameaças ao abastecimento público de água potável durante o século XIX e início do século XX. Hoad e Decker iniciaram as operações com uma nova solução para este persistente problema de saúde pública: filtração de água e desinfecção com cloro. Seus trabalhos se expandiram para o tratamento de esgotos, controle de inundações e outras infraestruturas civis em todo o estado de Michigan e outros estados dos Grandes Lagos.

Vários projetos tiveram muita notoriedade, incluindo a primeira estação de descarte de esgotos em Grand Rapids, Michigan, em 1915; as obras para descarte de esgotos em 1926 e o reservatório da cidade e estação de purificação de água de Fort Wayne, Indiana, em 1933. As obras da estação de purificação de água de Saginaw, Michigan, em 1928, foram descritas como “uma das mais formidáveis estações de tratamento nos Estados Unidos e Canadá.”

A empresa construiu sua reputação por excelência nas outras décadas, conforme sua atuação cresceu nos Estados Unidos. Entre os clientes industriais por fim estavam os três maiores fabricantes automotivos, a Dow, a Pfizer e fabricantes de alimentos. No início da década de 50, Hoad e Decker se tornaram a McNamee, Porter & Seeley, e ficaram conhecidos como uma importante empresa de engenharia de esgotos. Em 1998, a empresa se juntou à Tetra Tech.

“Entre nossos clientes estavam mais de 200 cidades e muitas indústrias”, disse o Dr. Joh Kang, da Tetra Tech. “Nossos serviços profissionais aumentaram a qualidade de vida de todos os cidadãos, ajudaram a desenvolver a prosperidade econômica e melhoraram o ambiente em que vivemos.”

“Agora, assim como antes, continuamos a conquistar a confiança de nossos clientes e estamos sempre nos posicionando como líderes e pioneiros em todas as nossas áreas de atuação”, disse o Dr. Kang.

Em Michigan, a Tetra Tech está modernizando o sistema SCADA do condado de Oakland com tecnologias de última geração. O novo sistema coleta dados de operações de águas e esgotos de mais de 275 localidades com telas de interface homem-máquina especificamente projetadas pela Tetra Tech. A comunicação é feita através de uma rede redundante de rádios e fibra ótica de alta velocidade e proporciona ao condado uma nova ferramenta de gestão para tornar as operações seguras e confiáveis. 

Em Milwaukee, Wisconsin, o escritório trabalhou com outras unidades operacionais da Tetra Tech para desenvolver um plano diretor abrangente voltado a bacias hidrográficas que a autarquia Milwaukee Metropolitan Sewerage District (Agência de Esgotos Metropolitanos de Milwaukee) adotou em 2007. Especialistas de toda a Tetra Tech foram trazidos e usaram modelos de qualidade da água de última geração para identificar as alternativas mais econômicas e sustentáveis para o plano diretor.

Como parte da Tetra Tech global, os escritórios desta região prestam serviços profissionais para uma ampla gama de clientes em diversos continentes.

“Temos o orgulho de estarmos vinculados à história das águas nesta região e agradecemos a nossos fiéis clientes pelo engajamento contínuo neste longo período, o que nos tornou um dos melhores neste negócio”, disse Mark Rynning, Vice-Presidente Executivo do grupo de infraestrutura hídrica da Tetra Tech. “Nós aguardamos ansiosamente novas oportunidades de nossos clientes e colaboradores nas próximas décadas.”