Dan Johnson, do escritório da Tetra Tech em Boulder, estado do Colorado, EUA, e sua esposa passaram as férias novamente este ano como mentores profissionais de alto nível para a equipe tailandesa Cal Poly, da Engenheiros Sem Fronteiras EUA (EWB - Engineers Without Borders). A equipe Cal Poly da EWB Tailândia se concentra nas comunidades próximas a Huai Nam Khun, na região de Chiang Rai, há oito anos.

A equipe desenvolveu e implementou projetos para obtenção de água limpa (sistemas de filtros de areia), compostagem e uma microusina hidrelétrica. Embora o projeto da microusina não tenha avançado, os outros projetos foram implementados e estão indo bem.

Este ano, a equipe dedicou três semanas à verificação dos projetos existentes e a visitas à unidade em área selvagem do projeto de geração de energia cancelado. A equipe também identificou e criou laços com uma nova comunidade parceira para projetos da EWB nos próximos cinco anos ou mais.

O processo de implementando da nova parceria incluiu visitas, entrevistas e a classificação de 14 comunidades serranas na região de Chiang Dao. A equipe contou com um intérprete fluente em diversos idiomas falados nessas comunidades, compostas principalmente por refugiados da Birmânia (atualmente Mianmar), que escaparam das montanhas do norte da Tailândia entre 40 e 100 anos atrás.

"Essa viagem me expôs a extrema importância de projetar sistemas de engenharia criativos e adaptáveis – não importando qual a finalidade do projeto”, segundo Kimmy Pugel, estudante que participou das visitas na Tailândia. “Visitamos diversas comunidades cujo sistema de tratamento e armazenamento de água não foram cancelados poucos anos antes da implementação, porque o sistema não havia sido desenvolvido conforme as necessidades específicas da comunidade.”

Dan auxiliou os estudantes na elaboração das perguntas; no envolvimento com os líderes locais; nas visitas aos respectivos projetos de abastecimento de água, transportes, energia elétrica e agricultura; e na identificação de projetos potenciais que se enquadrassem nos critérios da EWB. Uma vez concluídas as entrevistas e elaborada a documentação pela equipe, uma planilha de triagem ponderada foi desenvolvida com mais de 20 problemas encontrados, que foi utilizada para ajudar na seleção da nova comunidade parceira.

A equipe concluiu o memorando do acordo a ser firmado com a comunidade selecionada, Pa Kloi, que precisa de uma ponte melhor para que os pedestres e as motoneta tenham acesso ao vilarejo. A ponte ampliará a área de passagem sobre um rio que costuma bloquear o acesso às comunidades remotas. A comunidade também precisa melhorar a tubulação de abastecimento de água atualmente em uso e a capacidade de armazenamento de água, instalação sistemas de filtros de areia de ação lenta para melhorar a qualidade da água, aprimorar as técnicas agrícolas, utilizando a irrigação e a compostagem, e possivelmente implementar um projeto de microusina hidrelétrica.

Dan e sua esposa apreciaram muito o tempo que dedicaram a esse programa valoroso – tanto pelos benefícios garantidos a essas comunidades em desenvolvimento na Tailândia quando pela oportunidade de passar algum tempo como mentores de jovens estudantes de engenharia. A Tetra Tech se beneficia com experiências altamente positivas no contato direto com esses estudantes de destaque e sua universidade de engenharia, muito respeitada.

“Ter Don Johnson como parte de nossa equipe, em nossa viagem à Tailândia, foi inestimável”, segundo Kimmy. “Ele não apenas conseguiu expor suas ideias em perspectiva, como também realizamos dinâmicas de grupo para avaliar possíveis projetos futuros de engenharia; mas eu também aprendi muito sobre aplicações no mundo real, em cada atividade que realizamos – nada que seria possível aprender em sala de aula.”

“O Dan abriu minha mente para o grande potencial de um estudante de engenharia dedicado que espera fazer a diferença um dia”, disse ela.